Compre agora e tenha 30 dias para trocar um produto

Comentários 2 Padrão

Certamente a frase que intitula esse post daria dores de cabeça para a loja que eu trabalhava. No Brasil temos um código de defesa do consumir muito bem feito e que realmente garante que o consumidor não seja lesado. Uma certa vez ouvi dizer que as regras que defendem os consumidores no Brasil são as melhores do mundo.

Quando se muda para um pais diferente ficamos meio perdidos no inicio porque não entendemos nada da legislação e as vezes podemos sair prejudicados de uma negociação ou compra. Todo mundo fala que o atendimento em Dublin é muito ruim e as empresas não tem um devido cuidado e zelo pelos cliente. Confirmo tudo isso e ainda acrescento que praticamente todos os vendedores não fazem muita questão de vender seus produtos…. aqui se ouvi um ditado criado entre os Brasileiros para explicar o atendimento nas lojas: “Se quiser comprar compre, se não sai fora”. Claro não são todas as lojas que fazem isso mais na maioria das vezes os vendedores não estão nem ai para os clientes.

Bem nem tudo é ruim….. e você pode encontrar coisas boas claro como por exemplo a politica de troca. Em praticamente todas as lojas você tem mais de 1 mês para poder trocar os produtos e olha que não estou falando por problemas ou defeitos. Você pode trocar pelo simples fato de não ter gostado. Já aconteceu isso comigo algumas vezes e diferentemente do Brasil eles nem perguntam porque você quer trocar, simplesmente pegam o produto, cupom e trocam. Se você não achou um produto que gosta ou ficar insatisfeito por alguma coisa basta pedir o dinheiro de volta. Ficou imaginando essa lei no Brasil, nossa mais iria dar tanto problema e processo que nem consigo imaginar. No Brasil você pode até trocar dependendo da gentileza da loja mais pegar o dinheiro de volta, seria um caso de policia.

Na Argos por exemplo você pode comprar qualquer produto e voltar pra trocar ou pedir o dinheiro de volta por um período de 30 dias.

Meu amigo Rafael comprou um relógio e depois de quase 1 mês viu que não gostou muito dele.

Anúncios

Curiosidade: Comprando uma faca

Comentários 6 Padrão

No Brasil estamos tão acostumados com as coisas que as vezes fazemos certas atividades ou ações sem menos pensar porque já sabemos onde comprar, como fazer e onde ir. Quando mudamos para nossa antiga casa não encontramos muitos utensílios e tivemos que comprar tudo. Numa dessas compras sai a procura de uma faca para poder cortar um frango em mais uma das minhas aventuras culinárias. Bem isso faz tempo mais na semana passada aconteceu um fato que me levou a escrever esse post. No Brasil se você precisar de uma faca basta ir até o supermercado mais próximo e comprar. Você vai encontrar facas de todos os tamanhos, modelos, funcionalidades e principalmente preço. Quando sai para comprar a bendita faca acredito que fui em 2 supermercados e não tinha …… Resolvi então ir no tesco que fica no Jervis que é o maior então lá certamente encontraria. Depois de uma busca realmente encontrei mais somente umas muito caras e como não estava disposta a pagar o valor tive que ideia de ir numa lojas de 2 euros. Finalmente encontrei uma faca, claro não era uma tramontina mais funciona bem e ainda por 2 euros, estava bom demais.

Semana passada lá fomos nos de novo comprar uma faca para a casa nova já que assim como na primeiro não encontramos nada, tivemos que comprar tudo (exceto microondas). Como ja estávamos na argos resolvemos procurar um daqueles kits em que você tem várias facas e um suporte. Para nossa surpresa encontramos um kit com 5 facas por 4,99. Claro não é nenhuma Ginsu 2000 mais deve dar pro gasto. O interesse mesmo não era o preço mais sim o aviso que menores de 18 ano não poderiam comprar aquele produto. Quem já esteve na argos sabe que você tem a opção de comprar e pagar direto no terminal e depois apenas retirar o produto no balcão entretanto para esse produtos tivemos que ir ao atendimento para fazer o pedido. Claro é uma regra meio boba mais com certeza deve ter fundamento, coisas de Dublin.

Não sei se existe qualquer regra desse sentido no Brasil até mesmo porque não lembro de ter comprado uma faca quando era menor de idade.

Esse episódio da faca foi só um dos diversos que tivemos aqui em Dublin. Voltando ao inicio do post as vezes dá até uma depressão ao tentar comprar as coisas e não encontrar, ainda bem com a ajuda dos mais experientes por aqui e um pouco de curiosidade a gente consegue se virar bem mais acho que nunca chegaremos a facilidade que temos no Brasil. Claro é um processo a longo prazo mais depois de alguns meses você já esta fera nas compras.

Atendimento e direitos do consumidor

Comentário 1 Padrão

Tenho certeza que se todos os vendedores pelo quais já fui atendido em Dublin fossem para o Brasil certamente 98% deles não conseguiria emprego com atendimento ao consumidor. Talvez conseguiriam um teste ou coisa assim mais não passariam nem da parte da manhã na empresa. Ooooooo povo pra atender mal viu………… Não estou falando de ajudar ou escolher nada até mesmo porque na maioria das lojas você tem que se virar sozinho, coisa que eu gosto muito porque é tenso ficar uma pessoa em cima de você perguntando se pode ajudar, se precisa de algo e tentando de enfiar alguma coisa. Aqui você entra nas lojas e se não falar nada pode sair mudo que ninguém vai te perturbar. Claro existem as lojas em que as pessoas te ajudam e perguntam mais a gigantesca maioria deixa o cliente a vontade. Esse fato é bom mais o resto pelo amor de Deus. Esses dias fui a loja da Vodafone perto so Spire tirar uma duvida sobre o aplicativo que descreve os gastos detalhados da minha conta. Ele esta com um delay de 2 dias então fui perguntar se é normal. O cara simplesmente me disse: Não use isso, esse aplicativo é um lixo, eu perguntei de novo porque fiquei na dúvida se ele disse lixo mesmo e ele reafirmou e ainda disse que era uma merda mesmo que o melhor é entrar direto no site. Bem antes disso quando fui fazer meu plano passei por uma loja e o cara olhou pra mim e disse que eu não poderia fazer o plano de conta mesmo por pura preguiça porque estava de papo com outra atendente em frente do balcão. Fui em outra loja e me receberam melhor, nada demaissssssssss mais deu certo. Outras lojas quando você pergunta alguma coisa os vendedores simplesmente dizem que não sabem, que não tem na loja. Acredito que ninguém ganha comissão e por isso não tem muito interesse já que o importante é a hora trabalhada. No geral os vendedores não tem informações completas sobre os produtos, sobre tamanhos ou a qualidade dos mesmos, é terrível. Nas empresas do ramo de alimentação meu Deus da vontade de ir embora com fome ou jogar as coisas na cara da pessoa. Não é uma regra claro e existem ótimas lojas e pessoas preparadas mais infelizmente pelo menos nos lugares que eu frequento as vezes ou quase sempre tenho dores de cabeça. Acho que o melhor slogan para esses lugares seria: COMPRE OU CAIA FORA.

Bem nem tudo é ruim nesse mundo. Existe algumas regras aqui muito legais em que o consumidor pode comprar o produto e se não gostar tem alguns dias para devolver mesmo que tenha aberto embalagem. Na argos por exemplo você tem 30 dias para devolver qualquer produto e pegar o dinheiro de volta. Recentemente comprei um mouse, na hora ele pareceu legal mais quando cheguei em casa não gostei e voltei na loja. Eu só falei que não gostei e a moça me devolveu o dinheiro. Na verdade eu queria trocar por outro modelo, o que realmente eu fiz. Meu amigo Rafael comprou um relógio e também não gostou só que ele demorou 15 dias para ir lá, não tem problema basta ter o cupom fiscal e o produto e pegar seu dinheiro de volta. Olha que maravilha. Outra coisa comum é quando você vai trocar algo eles devolvem a diferença se o produto que você comprar tiver valor inferior ao original. Em outra loja de roupas que não lembro o nome agora tem uma placa assim bem atrás do caixa: Compre agora e decida somente depois. É uma frase impossível no Brasil onde trocar algo depende da boa vontade da empresa a não ser em caso de defeito e pegar o dinheiro de volta é praticamente impossível, pelo menos nas minhas experiências como consumidor antes de vir pra cá.

Você é daqueles que gostam de “ver” com as mãos?

Comentário 1 Padrão

Quando você vai comprar alguma coisa você se contenta em ver apenas fotos num catalogo ou é daqueles que precisam “ver com as mãos” para se ter certeza da compra?

Comprar na loja Argos em Dublin é uma maravilha por causa dos preços baixos que provavelmente você não encontrará em nenhum outro lugar principalmente se tratando de eletrônicos como câmeras digitais e alguns utensílios para casa como torradeiras, liquidificadores e panelas (para notebooks vale a pena dar uma passada na PCWORLD antes de fechar) mais sempre tive um problema. Sou daqueles que gostam de “ver com as mãos”, gosto de pegar no produto, analisar e testar porque não? Com menos de 0,5% dos produtos expostos temos que nos contentar em escolher os produtos escolhendo usando catálogos encotramos uma descrição perfeita com dados técnicos, fotos e todas as informações possíveis, entretanto nunca fico satisfeito. Recentemente precisei comprar uma mochila e lá fui eu pra Argos com a pulga atrás da orelha: como vou comprar uma mochila sem abrir ela e ver por dentro, colocar nas costas, sentir realmente a bendita? É impossível. Eu como mineiro curioso perguntei se não dava pra vê-la antes de comprar a para minha surpresa a atendente disse que sim.

Confira o texto completo na minha coluna semanal do blog Dublin para Brasileiros.

Nota de falecimento

Comentários 9 Padrão

Calma, calma, calma ninguém morreu mais tive uma perca muito grande ontem. Minha querida câmera Sony W110 num ato insano pulou da minha mão e partiu rumo ao infinito chão da morte. Estava eu andando ali no O’Connell e vi uma movimentação diferente da GARDA, eu claro mineiro curioso que sou logo saquei minha câmera do bolso e fui em direção ao “rebuliço” mais quando fui tirar uma foto a máquina pulou da minha mão e caiu com a lente aberta para baixo e deu adeus à esse mundo cruel. Eu sempre uso a cordinha de segurança mais dessa vez a situação exigia uma ação mais rápida e me dei mal.

Assim, não era assim uma cameraaaaaaaaaa mais sempre me atendeu bem e com ela registrei vários momentos da minha vida e pude desenvolver todo esse trabalho com o blog até agora. Comprei ela no mercado livre em abril de 2009 pela bagatela de R$ 270,00. Nesses pouco mais de 2 anos cliquei mais ou menos 41 mil fotos e vídeos e digamos que pelo preço pago até valeu a pena.

Pois bem, agora fiquei sem câmera e sem previsão de compra pois como pude ver aqui não compensa arrumar já que uma nova do modelo W530 que é o mais recente dessas câmeras compactas da Sony está custando 99 euros na Argos. O grande problema é que ainda não estou trabalhando fixo e com isso a data de compra da nova fica sem previsão.

Estive fazendo um cálculo e se cada uma das cerca de 400 pessoas que visitam esse blog diariamente me doarem apenas 0,28 centavos de euro eu compro uma e sigo o trabalho no blog. O que vocês acham? Claro que é uma brincadeira mais se alguém quiser contribuir ou liderar essa campanha eu aceitaria até mesmo porque uma das características básicas do blog é a exploração do visual como fonte de informação. Claro que estando aqui e vendo o quando as coisas são mais baratas que no Brasil eu queria mesmo era uma Nikon D90 ou Canon 50D mais isso é um sonho que vou realizar bem mais pra frente.

Vamos comprar na Argos

Deixe um comentário Padrão

Vamos comprar uma coisa na Argos, de novo. Confesso que ter algum tipo de problema nos joelhos é uma coisa terrível, imagina eu que tenho nos dois. Os trabalhos carregando peso, uma predestinação genética e a falta de exercícios me levaram a um quadro de desgaste na patela. Já são cerca de 9 anos com esse problema, mais com cuidado, alongamento e academia as dores sumiram no ano passado. Com a correria na preparação da viagem fiquei uns 40 dias sem fazer exercício no Brasil, isso somado aos 30 dias aqui na Irlanda em que não fiz nenhum alongamento as dores voltaram e forte. Já fiquei sabendo de umas academias aqui em Dublin bem perto da minha casa mais como ainda estou naquela fase de economia total não posso gastar cerca de 170 euros pra malhar, é uma média que encontrei por aqui. Você faz um pagamento único e tem um ano de academia liberado. Para ajudar a diminuir as dores fui à Argos hoje comprar dois pesos daqueles de areia que aliados pra fazer um fortalecimento e tentar diminuir as dores. Com a chegada do verão e o aumento da temperatura também aumentam o animo pra dar umas corridinhas às margens do Rio Liffey.
Como já disse em outro post a Argos é um paraíso aqui em Dublin, você chega escolhe pelo catalogo ou nos terminais.

Anota o código do produto e compra você mesmo nesse “toten” ou vai ao caixa.

Depois é só aguardar alguns poucos minutos e seu numero é chamado, pegue seu produto e tchau.

Esses dois pesos com 1,200 kg saiu por 10,15 euros. Olhando o catalogo da sessão GYM você encontra praticamente qualquer produto do gênero. Para quem ainda esta no Brasil a dica é acessar o site para ir se ambientando.

Argos – Comprar barato

Comentários 6 Padrão

No apartamento que alugamos o valor é bem em conta como disse no outro post mais o lugar esta digamos sem muitos utensílios. Partimos para a Argos que até agora é o lugar mais barato pra comprar alguns tipos de produtos para casa e o que você quiser porque o catalogo deles é gigantesco.

Diferentemente do Brasil a loja não é muito grande, apenas alguns eletrônicos na área de venda e o resto no deposito.

O lance é levar um catálogo pra casa é estudar com calma as opções, procure pelos produtos com a marca própria Argos ou semelhantes, anote o código e vá pra loja. Caso você seja marinheiro de primeira viagem e não tem o catalogo é só chegar e procurar nos monitores os produtos e nos catálogos que ficam nas bancadas. Dai sim é anotar o numero da referencia e ir pagar. Você pode fazer o pedido em um toten ou ir ao caixa é indicar o produto e pagar, poucos minutos depois o atendente te chama no painel e por voz, dai é pegar e dar tchau.

Os produtos são muito baratos em relação ao Brasil, alguns chegam a ser irrisórios e até podem gerar desconfiança. “Será que é do Paraguai”. Mais até agora de tudo que compramos nada deu pau, tudo funciona perfeitamente e indicamos muito.

A loja que fomos fica no Shopping ilab bem próximo ao Spire aqui no centro, então se você chegar aqui e precisar comprar alguma coisa pra asa ou qualquer outra coisa a Argos é o lugar certo pra comprar barato.

Este slideshow necessita de JavaScript.